Uma obra e tanto

Há alguns anos atrás, bem antes de vir morar na Alemanha, eu vi uma foto no facebook de um navio que navegava por cima de uma ponte e fiquei de queixo caído me perguntando do porquê daquilo existir e fascinada com a grandeza daquela obra. Na época, dei uma lida sobre a história da construção do projeto, sem nem passar pela minha cabeça que alguns anos mais tarde, o destino me levaria para morar a exatamente 6 km do local da foto.

Rhine–Main–Danube Na sexta passada fui conhecer um lugar muito legal aqui em Fürth, chamado Solarberg, uma região montanhosa nas redondezas onde se tem uma pequena instalação de células solares e de quebra oferece uma vista magnífica de Fürth, se estendendo até Nuremberg e Erlangen, as duas cidades vizinhas. Lá também fica parte do trecho de 171 km do canal que conecta 10 países europeus (linha vermelha no mapa). O canal Reno-Meno-Danúbio, faz a conexão com os rios Danúbio e Meno ligando ambos ao rio Reno. E graças a ele, é possível desde 1992 o transporte fluvial desde o mar do Norte, nos Países Baixos até o mar Negro em Constança, na Romênia.

E não é que tivemos a sorte de ver uma embarcação passando no exato momento? 🙂

IMG_8249 IMG_8260

Só de imaginar a infraestrutura necessária para vencer as altitudes que separam essas duas bacias fluviais, do Reno e do Danúbio, fico com um nó na cabeça diante de tamanha complexidade. Esse longo caminho a ser percorrido, desde a Romênia até os Países Baixos, não é plano! Agora imaginem como as embarcações fazem para subir e descer em altitudes diferentes? Através de um sistema de sequências de escadas d’água! Quando uma embarcação tem que subir montanha acima, por exemplo, a mesma entra numa espécie de reservatório onde mais água é bombeada para dentro, elevando assim o nível de água e consequentemente fazendo com que a embarcação suba. Para descer o contrário é feito, água é retirada do reservatório fazendo com que a embarcação desça. Fantástico, não acham? Essa foi a forma bem grosseira que achei de explicar, porque né, sou leiga no assunto e nem sou engenheira. Parece até ser uma coisa bem simples! Mas de simples, essa grande obra não tem nada.

Aproveitamos que o tempo estava bonito e ficamos por lá até o anoitecer para contemplar o pôr do sol. IMG_8234

IMG_8283-001 IMG_83011

Bom, o lugar nem é turístico. Só quis escrever mesmo por achar interessante morar tão pertinho de um lugar que há alguns anos atrás chamou tanto minha atenção. Com certeza, é um lugar onde levarei familiares e amigos que futuramente possam vir me visitar. 🙂

Boa semana pra todos!

27 comentários em “Uma obra e tanto

  1. Então amiga, tecnologia pouca é bobagem!!! Esses alemães não brincam em serviço!
    A imagem do navio cruzando a ponte é de embasbacar!
    Acho fantástica a rede pluvial da Alemanha, este tipo de transporte é extremamente relevante para a economia do país (e do bloco).. O ponto negativo – da perspectiva ambiental – é que o leito de TODOS os rios que cruzam a Alemanha foram modificados e adaptados à navegação… Por isso eles são pouco curvilíneos e se parecem muito um com o outro.
    Ótimo post, querida!
    Beijos
    Márcia

  2. Fiquei sabendo desse canal no final do ano passado quando passamos natal perto de Nürnberg, passamos ao lado dele, achei super interessante a história, só não cheguei a ver uma ponte, nem navio trafegando, mas ainda assim, surpreende como o ser humano é capaz de obras desse tipo né?!

    beijão

  3. Ahh eu também já vi várias vezes a foto desse lugar no Facebook. Mas as suas fotos sao bem melhores rs aliás, você tem mesmo o dom para isso. Simplesmente amo suas fotos. Beijos

    1. Opa! Fiquei super lisonjeada com o comentário! 🙂
      Muito obrigada, Vanessa! Eu adoro compartilhar minhas fotos e é super gratificante saber que as pessoas gostam delas! It means a lot! :))))
      um bjão!

  4. Lindo demais!

    Ana, eu amo suas fotos, transmitem sempre muita paz!
    Se possível, qualquer dia faça um post sobre sua histórias com a fotografia, qual câmera usa e umas dicas para os leigos como eu rs.

    Parabéns, amo seu blog!

    1. Olá Karen!
      Fiquei muito feliz com seu comentário! Muito, muito obrigada por gostar das minhas fotos!
      Ninguém nunca me pediu pra fazer um post assim e nem eu nunca pensei em fazer um! Te agradeço pela dica! Acho que é um boa ideia! Por ora, posso te dizer que o meu equipamento é bastante simples. 🙂 mas ficarei feliz de poder compartilhar um pouco com você. Muito obrigada!

      beijão

  5. Achei o máximo, nunca tinha ouvido falar dessa ponte e estou de cara, rs. Muito legal o post, Ana, e as fotos, como sempre, lindas!

    beijos 🙂

  6. Ana, quero comentar uma coisa um pouco diferente do texto… Suas fotos.
    Cara, suas fotos tão ficando cada vez melhores. Todas as suas fotos contém um pouco da sua personalidade, da sua identidade. Você tá sabendo captar melhor a sensação que cada foto passa, isso é muito lindo! Parabéns pelo progresso e um grande beijo!

    1. Poxa, sei nem o que te responder! Estou muito lisonjeada com seu comentário, Rafaela! É muito bom ter esse tipo de feedback, pois realmente tenho investido muito tempo em fotografia e edição. Muito obrigada, de coração! :)))))
      Um grande beijo e obrigada pelo carinho!

  7. Ana, nada como ler uma “reportagem” que uma brasileira escreve. Fica mais fácil de entender e ver a magnitude desse projeto. Eu até acho que o local poderia ser turístico, mas muitas vezes pontos turísticos atrapalham o bom funcionamento da tecnologia. Gostei muito da sua partilha, Ana.
    Um beijo,
    Manoel

  8. Quando morava em Koblenz ( onde eu acredito que seja parte desse trajeto do Reno)eu sempre esperava pra ver as embarcações fazerem essa ” mudança”, mas demorava tanto que eu acaba desistindo!
    Quando chegar a primavera e tivermos dias mais bonitos, vou pra lá só pra tentar ver de novo!
    Um beijo bem grandão e uma semana linda pra vocês! ❤

  9. Ana!!!! Essa é a primeira vez que vejo algo do tipo, uma ponte que liga lugares, mas uma ponte para navios trafegarem!!!! Incrível!!!!!! Amazing… Estão maravilhosas as suas fotos! Eu adoro essas suas fotos sentada em banquinhos, fazem me lembrar um saudoso poeta mineiro que viveu anos no Rio de Janeiro e ele adorava passar tempos sentado num banco desses contemplando a orla e o mar! Ana, tem carnaval na sua cidade? Bem, eu te pergunto isso por que hoje é carnaval no Brasil! ah, grande abraço! beijos

    1. Incrível né, Michela?! Adorei ter visitado esse lugar. Muito obrigada pelo elogio das fotos, a que estou sentada foi o maridão que fez, ele também gosta muito de fotografia! Eu adoro fotos de bancos! Estou até fazendo uma coletânea das fotos que tiro pelos lugares que ando.
      Aqui onde moro não tem carnaval, na verdade, nem feriado é! 😦
      Mas já morei em Mainz, uma cidade conhecida por ter um dos maiores carnavais aqui na Alemanha. Esse ano estamos quietinhos…nem cogitamos a ideia de viajar! 🙂
      Abração e boa semana! Aproveite bem o feriado!
      bjos

      1. Olha que legal, vou pesquisar sobre Mainz! Então, eu conheci um senhor, ele é professor visitante da Unicamp e fez palestra na Unirio. Ele é alemão e é muito simpático, o filho dele é noivo de uma moça brasileira, por isso ele gosta da nossa cultura! Ontem ele me perguntou sobre o carnaval e disse que ia dormir cedo por que hoje ele ia para o ‘rosenmontag’, ai eu não consegui traduzir isso direito, mas o que consegui foi desfragmentando a palavra o que ficou ‘rosas de segunda-feira’ 😀 Ah, então, esse senhor ele vive na Colônia! E mais uma vez, parabéns pelas fotos, eles são excelentes! Você, ooops, vocês fazem ótimas fotos!!!! Isso, Ana, faça suas fotos, você pode publicá-las mais adiante. Eu apoio toda forma de arte e fotografia para mim é uma grande arte, além de serem excelentes documentos para a história. E quando estar em casa descansando , isso é também uma grande preciosidade, sabia! Grande beijo , abração!

    2. Ps: isso me deixa com mais raiva ainda dos nossos governantes sem inciativa para empreenderem uma engenharia como estas para combater a seca em solos férteis em muitas regiões riquíssimas de nosso país. Desculpe, esse é um desabafo! 😦

      1. Super concordo com você! Mas infelizmente, nosso país não é ousado o suficiente para investir num obra dessa magnitude. É assim que é né?! 😦

  10. A vida é engraçada, também fico assim, muitos lugares que conheci bem depois de ficar olhando em mapas e revistas quando eu nem pensava em viajar tanto! Como sempre as suas fotos estão lindas! Um grande beijo e espero te conhecer logo!

  11. Eu ja tinha visto uma reportagem ha muitos anos atras sobre essa ponte e realmente e magnifico a forma que encontraram de ligar os paises e facilitar o vai e vem de produtos.
    Beijinhos

Faça o meu dia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s