6 on 6 #auf dem Land

Vou começar o post de hoje pedindo desculpas pelo sumiço. Pulei o último post do projeto por falta de tempo e pelo caos que foi o mês de março. Mas tô de volta e dessa vez com um tema que gosto muito. Quem me segue sabe que sou de Fortaleza, a quinta maior cidade do Brasil. Aqui na Alemanha morei em cidades relativamente pequenas e por incrível que pareça, eu não sinto falta de morar em cidade grande. Ter morado nessas cidades pequenas me fez descobrir o quanto eu adoro a simplicidade e a calmaria que elas proporcionam. Por isso acredito que eu viveria muito feliz “auf dem Land”, ou seja, no interior, mesmo sem nunca ter morado em um.

6on6land_thisgermanlife

Difícil de acreditar? Pois bem, eu posso dizer que virei um bicho do mato depois que vim parar na Alemanha. Parece que toda a tranquilidade e segurança que eu nunca tive em Fortaleza eu encontrei aqui. Eu e Kilian adoramos explorar os vilarejos vizinhos da nossa cidade. Daí sempre falo pra ele sobre o meu sonho de um dia ter uma casa no verde, com um pé de magnólia ou uma cerejeira no jardim e bastante lugar pras crianças correrem. Ele diz que morar no interior tem as suas vantagens, mas que todas as minhas lojas favoritas ficariam muito longe de casa. Quer saber, acho que abriria mão de ir na Zara com frequência só pra ter um lugar onde eu pudesse plantar uns tomates e acima de tudo, onde eu pudesse ter ainda mais qualidade de vida.

6on6land_thisgermanlife26on6land_thisgermanlife4IMG_90316on6land_thisgermanlife66on6land_thisgermanlife3

Já escrevi algumas vezes sobre esse lugar lindo das fotos. É um vilarejo que fica a 40 km de Fürth e que vive basicamente da produção de cerveja e do turismo de quem faz hiking. Além disso, essa região é uma grande produtora de cerejas e em alguns dias essa paisagem ficará assim como nesse post que escrevei há um ano atrás. Eu sempre levo lá quem vem de visita e até quem não gosta de interior acaba se apaixonando!

Você já conhece os outros blogs do projeto? Eu super recomendo a leitura! Mais sobre o tema na Irlanda (Taís), Holanda (Paula), Ucrânia (Alê) e Inglaterra (Lolla).

51 comentários em “6 on 6 #auf dem Land

  1. é bem isso né? qualidade de vida. a tranquilidade que ~o interior~ proporcionam, a calmaria, o contato com a natureza. amo ♥ e também tá nos meus sonhos ter uma casinha no meio do mato pra chamar de minha 🙂

  2. Aninha,
    A simplicidade do interior é cativante. Infelizmente, algumas coisas parecem ser excludentes, como ter a Zara por perto e uma casa no campo + quintal com cerejeiras.
    Me parece que o quintal está te encantando mais do que as coisas das cidades grandes… Que graças à infraestrutura divina da Alemanha, são muito acessíveis! Seja de bicicleta ou mesmo de transporte coletivo.
    Pensando bem… essas escolhas não são tão excludentes assim, não é?
    Lindas as suas fotos querida. Como sempre!
    Mudei meu cabeçalho, tem clique da Aninha por lá!
    Beijos querida!

  3. Olá, irei morar em Fürth em maio. Saio de Fortaleza no fim do mês. Adorei seu blog. Me identifiquei bastante com suas histórias. Gostaria – se possível – de algumas dicas para os primeiros meses de expatriada em Fürth.

    1. Olá Dennise, obrigada pela visita. Fico feliz que gostou daqui!
      Posso te escrever um email com algumas dicas. Em que parte de Fürth você vai morar? No que especificamente você acha que vai sentir dificuldade? Já esteve na Alemanha antes? Desculpa o monte de perguntas hehehe. Legal saber que você também é de fortaleza 🙂

  4. Oiii,
    Conheci seu blog por acaso e fiquei encantada com esse post. Acho que sempre há prós e contras em morar em cidade grande ou no interior, mas acho que dependendo do lugar preferiria mil vezes o interior. A qualidade de vida e a tranquilidade não tem preço. Amei as fotos, esse lugar é maravilhoso.
    Abraços,
    Amanda Almeida
    http://blog.amanda-almeida.com.br/

  5. ahh obrigada ana *-* prazer é todo meu ahaha ai adoro o blog da ba 😀 ai aproveita, a Chapada dos veadeiros é demais!
    Farei alguns posts sobre lá, porque fui em vários lugares ahhahaha

    beijos :*
    ps: gosto de responder o comentário no blog da pessoa ahahhaa

  6. …Como não se apaixonar por esse interior lindo…esse tbm é meu sonho e do marido, só que eu também quero um balanço na árvore para me deliciar no fim do dia…amei seu blog, parabéns…apaixonei e já estou te seguindo! Beijos e ótimo dia pra vc!!!

  7. Tava com saudades dos seus posts cheios de fotos lindas. Eu não sou muito fã de viver no interior não, mas de vez em quando pra passear e passar uns 2 dias acho que seria otimo. Mas tambem não curto cidade grande, eu gosto de cidades pequenas, onde eu posso encontrar lazer, lojas e a segurança de uma comunidade pequena.

    1. Eu sou muito negligente com esse blog. Mas fico feliz que vc gosta de acompanhar :).

      Minha cidade é exatamente como você gosta! E eu sempre digo com muito orgulho que mora na cidade mais segura da Baviera hehe

  8. gente, mas como não se apaixonar por um lugar lindo assim? eu moro em SP e não sei se me adaptaria caso me mudasse pra uma cidade pequena do interior, mas eu tenho essa vontade de mudar um pouco, sabe? pra ver como seria? nem que fosse pra passar uma semana só e decidir que prefiro cidade, hahaa. de qualquer forma, eu amo passar alguns dias de paz em lugares mais escondidinhos, ainda mais cercada de natureza, tem coisa melhor? e fotos lindas, como sempre! ❤

    1. Pois é Ká, eu vim de cidade grande, vi como é morar em cidade pequena e hoje não troco isso por nada. Minha cidade não é interior, mas é super pacata e até já foi eleita pela 12 vez a cidade mais segura da Baviera. Me diz como não amar esse fato <3!

  9. Esse lugar parece ser muito lindo. Estou procurando lugares para fazer hiking na Alemanha e esse vilarejo parece uma ótima opção.
    Eu morava numa cidade pequena na Holanda (Wageningen, ~37 mil habitantes) e adorava. Me sentia tão segura lá. Tudo era perto e fácil. Dava para fazer tudo de bicicleta. Foi muito difícil ter que largar a cidade e me mudar para Berlim. Agora já estou me acostumando a Berlim e vejo que existem vantagens em morar numa cidade grande, mas com certeza também existem muitas desvantagens e voltar para Wageningen seria muito bom.

    1. Oi Aline, essa região é excelente pra hiking mais light já que não é montanhosa. Se você quiser algo mais pesadinho, daí te indico os alpes.
      Eu adoro Berlim, mas não moraria aí (a não ser que não tivess outra opção). Eu gosto daqui por esse motivo que você falou, e vou pra todo canto de bicicleta, até mesmo quando preciso ir a Nuremberg. Acho uma delicia poder me locomover com tanta facilidade!

  10. Eitaaa guria talentosa, é cada foto mais linda <3. Eu aqui decidindo meu intercâmbio e como uma boa amante de História(biblioteca ambulante) acabei me apaixonando por Dresden por sua causa e criei, mais um problema pra mim kkkk. E agora encantada por Fürth <3. Sério seria incrível ter a oportunidade de te conhecer um dia, apesar do trabalho que iria te dar quando comesasse a desejar que me mostrasse cada canto da Alemanha.

    1. Ownti, teus comentários são sempre muito cheios de <3. Obrigada pelo carinho Juh! Fürth infelizmente não é uma cidade universitária. Ao lado dela tem a cidade de Erlangen, que tem uma grande universidade. Outra cidade pequena universitária, fofa e patrimônio da Unesco é Bamberg, que também fica nessa região de hiking que escrevi no post. Um dia tenho que escrever sobre essa cidade, mas se você tiver interesse pode dar uma pesquisada.

      Eu já conheci pessoas maravilhosas através desse blog e seria mais uma alegria poder te conhecer. Tenho certeza que você é um doce de menina. Te mostraria o pouco que conheço com muito prazer. Espero que você consiga vim pra cá no intercâmbio ❤

      p.s você tem instagram?

  11. Que delícia de lugar! Eu amo cidade grande, mas sempre que eu volto pra Recife e tenho que lidar com engarrafamento, violência, multidão.. fico me perguntando se é isso que eu quero mesmo. Posso dizer que fui muito bem recebida pelo interior e imaginar um lindo assim então! Acho que viveria feliz. ❤

    1. The same here hehehe! Fico louca quando volto pra fortal e tenho que lidar com todo o caos da cidade grande. Essa paz que tenho aqui é impagável, não troco ela por nada!
      super beijo querida

  12. O. moço. no. topo. da. pedra!
    Um lugar lindo, isolado e que vive de produção de cerveja parece o meu tipo de lugar!
    Linda essa luz que você pegou na igrejinha!

  13. Bom, eu sou de interior “all the way”. Sonho com ter uma casinha no meio do nada. Se for num lugar asdim lindo como o das fotos melhor ainda!!
    Beijokas

  14. Meu coração até bateu mais forte vendo essas fotos, que lugar mais incrível. E quando eu for aí pra essas bandas te visitar, com certeza vou querer passar por aí também, muito lindo mesmo!
    O interior é sempre muito gostoso, eu sendo de SP, devo confessar que não sou fã de cidade grande, eu prefiro uma cidade mais calma mesmo.. e a tranquilidade e qualidade de vida no interior são duas coisas que eu gosto muito e busco isso pra minha vida também!
    Beijo :*

    1. Espero muito te receber aqui Taís, de coração mesmo. Gostaria muito de te mostrar alguns dos meus lugares favoritos na Alemanha, bem o teu tipo de coisa! Contando com esse encontro ❤

      1. Aiii, Ana… você não tem ideia tb como estou querendo esse encontro logo, viu.. e vou me sentir super privilegiada em conhecer teus lugares favoritos na Alemanha!

  15. eu te entendo ahah o tempo nos rouba tanto né? eu sempre quero transformar o dia em 30h ahaha e olhe lá ahhaha olha eu sempre amei simplicidade, calmaria, natureza ahahha MEU DEUS, essa foto dessa igreja, no alto da montanha, me deixou de boca aberta! sério, eu to apaixonada, vou colocar até no meu pinterest, peraii ahahhaa cara quanto imagem linda, viveria fácil num lugar desses! aiii meu deus ! ai to simplesmente apaixonada, preciso mostrar essas fotos pro meu irmão ahahaha

    beijos :*
    japona.mairanamba.com

    1. Olá Maíra, muito obrigada pela visita! Fico super feliz que você gostou do post! Já dei uma lidinha do teu blog super fofo! Volte sempre por aqui viu!
      beijoooo

  16. eu te entendo ahah o tempo nos rouba tanto né? eu sempre quero transformar o dia em 30h ahaha e olhe lá ahhaha olha eu sempre amei simplicidade, calmaria, natureza ahahha MEU DEUS, essa foto dessa igreja, no alto da montanha, me deixou de boca aberta! sério, eu to apaixonada, vou colocar até no meu pinterest, peraii ahahhaa cara quanto imagem linda, viveria fácil num lugar desses! aiii meu deus ! ai to simplesmente apaixonada, preciso mostrar essas fotos pro meu irmão ahahaha

    beijos :*

  17. Nossa que delícia de lugar Ana! Eu sou suspeita de falar, desde que me conheço por gente sempre tive o sonho de morar no interior de SP, nunca gostei da agitação da cidade grande. Creio em Deus que ainda realizarei este sonho!
    Já estava com saudade dos seus posts, das suas fotos. Que bom que voltou logo, rs!
    Bjoos
    Layde

    http://www.senhorabaguncadiy.com.br

  18. Essas paisagens são incrivelmente belas e inspiradoras. Essas imagens acalmam só de olhar. Feliz que você conseguiu postar esse mês. 🙂 Beijos.

  19. Eu sou zero do mato. Acho que ter nascido e crescido numa vila me fez virar bicho da cidade. Não troco a bagunça. Mas vendo essas suas fotos da até vontade de passar uns dias no interior, viu? E eu não tinha visto o post da cidade das cerejeiras, que coisa mais linda ❤ A Alemanha é rica demais, né? Quanta paisagem maravilhosa!

    1. Pois é, bem o oposto de mim hehehe
      Quando você estiver por perto pode tratar de dar uns rolés aqui pela Alemanha. De repente a gente se encontra. Seria muito legal te conhecer pessoalmente ❤

  20. Olá Ana, descobri seu blog agora! Que lindas suas fotos, realmente o sossego é muito atraente.
    Adorei o que você escreveu na sua descrição do blog: “Este não é um blog de roteiros de viagens!”. É mais ou menos o que eu quero seguir pro meu blog, mostrar a realidade de quem mora fora, um pouco mais da cultura que escolhemos morar.
    Me formei em fotografia em Londres, e fiz ontem um 6on6 do primeiro projeto da faculdade, sobre objetos deixados para trás. Se quiser dar uma olhada:
    http://itispeculiar.com/2016/04/06/left-behind/
    Beijoos

    1. Olá Tariana! Muito feliz com sua visita e comentário. Seja bem-vida! Legal que temos o mesmo estilo de blogagem, irei conhecer o seu projeto com muito prazer!
      beijão

  21. Ahhhhhhhh o interior alemão! Não tem mesmo como não se apaixonar, é lindo demais! Eu também nasci e cresci em cidade grande e confesso que não sinto falta nenhuma. Claro que Dublin é uma grande capital, mas me sinto muito bem quando vamos ao interior e posso respirar ar puro e ver paisagem verde até os olhos não alcançarem mais….

Faça o meu dia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s