6 meses com você

Hoje você completa 6 meses de vida. Metade de um ano com você, meu bebê doce, sorridente e tão cheio de energia o tempo todo. Fico emocionada de pensar no dia do teu nascimento e nas horas preciosas das semanas seguintes após te trazer para casa. Desde então, houve muitos sorrisos e lágrimas (tuas e minhas), altos e baixos. Minha vida mudou para sempre. Olho um pouco pra trás e penso no quão ingênua eu fui de pensar que a vida seguiria como antes, apenas com um bebê nela. É totalmente diferente. Eu sou hoje diferente e nada nunca mais vai ser como antes.

Os meses após o teu nascimento são sempre tão cheios de mudanças. Eu diria que os três primeiros meses foram de adaptação, ajustes e aprendizado. Emoções, incertezas e medo estavam espalhados pelos quatro cantos da casa. Daí a gente começou a se conhecer mais profundamente e as coisas começaram a dar certo e ficarem, eu não diria fáceis, mas”menos difíceis” e mais previsíveis.

Minha energia ainda é quase que totalmente consumida nas noites em que tento fazer com que você durma por mais de 3 horas seguidas. Ainda me sinto extremamente cansada e a sensação de estar constantemente fazendo algo errado continua me perseguindo. Mas devagar eu vou me adaptando ao teu ritmo e ao fato de que você não precisa de tantas horas de sono como eu.

Tudo tem sido tão passageiro com você. Tudo é uma fase. Eu tento registrar todas as coisas que você faz, como você olha, sente e cheira, mas quase toda vez que eu pisco, algo desaparece e é substituído por algo completamente novo e desconhecido. Tem tanta coisa nova que já fizemos juntos ultimamente, coisas que eu nem percebi que passariam tão rapidamente. Eu te abraço um pouco mais apertado todas as vezes que te ponho pra dormir no peito, porque sei que um dia você não precisará mais dele.

Vou sentir falta de como você está em todos os lugares comigo, como você sorri quando eu entro no quarto depois da soneca, como você ri quando eu mordo as tuas coxas ou sopro ar no teu rosto. Sentirei falta de como você tenta pegar tudo o que eu como ou bebo, as caretas que você faz quando prova novos alimentos, de você sentado no chão da nossa cozinha, do jeito que você suga o meu queixo e aperta o meu pescoço, de como você é fascinado pelo meu cabelo. Vou sentir falta do jeito que você encosta o teu rosto no meu ombro quando está cansado, da maneira como você me olha quando eu chamo pelo nome, dos nossos cochilos juntos de tarde e como você segura os meus dedos quando eu te carrego no sling. Sentirei saudades de mais um milhão de coisas que provavelmente eu nem perceberei que você faz até que elas sejam substituídas por outras. Te ver crescendo é tão bittersweet! Estou constantemente desejando que você nunca cresça, mas ao mesmo tempo tão entusiasmada pelo próximo passo que você está prestes a dar.

A maternidade é uma viagem muito louca, e eu só estou no começo dela. É uma vida maravilhosa, gratificante, difícil e exaustiva. Alguns dias eu fico tão cansada que anseio pela hora de te colocar pra dormir para que eu possa descansar mais um pouco, mas apenas dez minutos depois de você ter adormecido eu sinto a tua falta. Eu já me sinto triste pelo dia em que você não vai mais precisar de mim, mesmo que seja o meu trabalho te tornar forte e independente e te enviar para o mundo. Mas isso, um dia. Por enquanto, aqui estamos nós dois dentro da nossa pequena bolha. Apenas eu e você, caminhando juntos a cada dia.

Feliz 6 meses meu amor!

Mamãe

20 comentários em “6 meses com você

  1. Ana, querida. É SEMPRE um presente passar por aqui. Hoje depois de tanto tempo, vi esse post e me vi em lagrimas, de tanta felicidade por vocês. Por acompanhar esse amor lindo e sentir tantas coisas boas! Você está radiante, outra. Que a maternidade continue te transformando apesar dos dias hard.
    Muito amor a vocês sempre!
    Um abraço, sempre.

  2. Ai, Ana.. escorreu uma lagriminha aqui com esse teu post maravilhoso. Que palavras mais lindas, fiquei emocionada mesmo. Pude ver de perto essa conexão de vocês é linda demais de ver! Que sorte de ambos terem um ao outro 🙂
    Impossível não ficar encantada com Thomas, que bebê mais lindo e cheio de carinho.. como você sabe, eu ficava toda derretida com cada sorriso que ele me dava, imagina você recebendo essa overdose de amor desse pequeno diariamente.
    Beijos ❤

  3. Nossa ótimo artigo realmente emociona. Lembro do meu pequeno agora ele está com quase 3 aninhos parece ate que foi ontem. rsrs o tempo passa rápido você vai ver daqui a pouco seu bebe estará andando e falando as primeiras palavrinhas.
    Um abraço.

  4. Coisa mais linda! ❤ Seus posts sobre a maternidade são sempre emocionantes. Muita força e amor pra vocês nessa jornada incrível.

  5. Ele é lindo demais! ❤ Adorei ler sobre como está sendo a sua experiência, e a dele também. Eu acompanhei um pouquinho desse início caótico quando minha sobrinha nasceu. Todo dia tinha algo novo, algo surpreendente, que todo mundo aqui em casa ficava impressionado. E agora, aos 5 anos, isso ainda acontece. Assistir alguém crescer é muito bom, mas ainda mais incrível quando é alguém que nós amamos. Muitas felicidades pro Thomas e para a família!

  6. Lindo demais seu post, lindo seu menino, sua dedicação, seu amor infinito. Aproveite muito, porque o tempo não perdoa mesmo. Eles aprendem tanto, tudo passa tão rápido… Baby esteve aqui conosco, e eu fiquei olhando praquele menino enorme, pensando onde foi parar meu bebezinho… Aproveite muito muito muito o seu! Um beijo querida ❤

  7. Ele tá tão lindo!! E esse texto me emocionou. Pelas palavras, já deu pra sentir essa sua energia diferente de alguns meses atrás. Tudo de melhor sempre pra vocês. ❤

  8. Ana, o que tem no seu leite? Esse garoto está enorme!!! Fico impressionada do quanto ele é esperto e já está querendo engatinhar. Tem bebê que completa um ano e ainda não engatinha muito bem. Imagino que esse desenvolvimento dele deve aumentar ainda mais essa sensação de que o tempo está passando rápido demais. Obrigada por compartilhar todas as fotos lindas que você faz dele. É um bebê muito lindo, ficaria fotografando direto se tivesse um desse em casa ahahahah

  9. Que post mais lindo, Ana! Lindo! É super emocionante ler um relato seu porque a gente que te acompanha por aqui sabe o quanto você desejou um filho. O tempo é ingrato e passa rápido mesmo, então continue aproveitando muito a companhia do seu bebê fofo! ❤

  10. Ana, que bom ver teu filhote crescendo e ficando mais forte! É emocionante, encantador ler suas impressões sobre a maternidade. E que fotos lindas! Continue curtindo essa fase ao máximo! ❤
    Beijos

  11. Oh que lindo! É realmente um misto de sentimentos, vibrar com as conquistas que eles fazem e ao mesmo tempo desejar que eles sejam pequeninos e caibam no nosso colo pra sempre..tem uma música sobre isso – que me faz chorar desde criança kkkk – que se chama Pta sempre em meu coração por Cristina Mel; ainda não consegui tive coragem de ouvir desde que minha filha nasceu, porque sei que vou chora horrores de novo rsrr
    Beijos e fica com Deus 🙂

Faça o meu dia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s