Explorando Oberstdorf

Já virou tradição aqui em casa: todo ano na época do outono nós fazemos as malas e vamos para as montanhas. Há três anos atrás, nessa mesma época do ano visitamos Berchtesgarden, a minha região favorita na Alemanha, e fizemos trilhas sensacionais. A ideia de ter um bebê já estava nos nossos corações. Há dois anos atrás, estávamos nas Dolomitas Italianas realizando um sonho meu antigo de visitar essa parte magnífica do planeta. Thomas já estava no forninho com apenas 19 semanas. Durante a mesma viagem nós acampamos num lago na Áustria. Há um ano atrás nós resolvemos explorar uma região diferente e fomos para o parque nacional da suiça saxônica. Essa foi a primeira vez que fizemos trilha com o pequeno. A ida às montanhas ficou para o inverno e uma viagem meio que mal programada acabou se tornando uma das melhores viagens que já fizemos.

Esse ano nós decidimos ir conhecer os alpes do Allgäu, mais especificamente, a região de Oberstdorf. Infelizmente, na nossa semana por lá nós tivemos dois dias de chuva que nos limitou a ficar em casa. Nós nos hospedamos num Ferienwohnung, que é tipo um apartamento de férias todo equipado, com vista pras montanhas e super aconchegante.

Os dias de sol foram aproveitados fora, obviamente. Saíamos logo após o café da manhã e voltávamos pra casa na hora de preparar a janta.

O primeiro lugar que visitamos foi o pico da montanha Nebelhorn, que fica a 2224 metros de altitude. Calma, nós não subimos tudo isso a pé não! Foi um teleférico que nos levou até lá em cima. Uma vez no topo, nós escolhemos fazer a trilha que nos levaria até o lago alpino Seealpsee. A previsão do tempo dizia que havia caído neve a noite toda e isso só nos deixou ainda mais animados para subir. Uma forte neblina tomava de conta da paisagem e a gente saiu andando sem ver sequer para onde estávamos indo. Mas a neblina foi aos poucos se dissipando e o céu azul aos poucos aparecendo. Parecia coisa do outro mundo! Aquelas nuvens imensas passando entre os picos das montanhas e a gente andando por essa imensidão branca. Que sorte a gente teve!

Outro lugar lindo que visitamos é o lago Freibergsee. A trilha até lá é fácil, mas cansativa por ser bastante íngrime. O dia estava nublado, exatamente como gosto. Dias nublados proporcionam a melhor luz para fotografar, quem concorda? Demos a volta ao redor do lago, que não demorou mais do que 1 hora e meia.

No mesmo dia à tarde visitamos o Breitachklam, um desfiladeiro de 2,5 km criado pelo rio Breitach, formado há mais de 10.000 mil anos atrás. Os paredões de pedra tem mais de 150 metros de altura e o caminho é todo rodeado por eles, numa trilha linda margeando o rio. Esse é um passeio super fácil e bem família.

No dia seguinte subimos de teleférico até o pico da montanha Fellhorn a 2039 metros de altitude e fizemos mais uma trilha espetacular por um caminho bem estreito, exatamente na fronteira com a Áustria. A trilha do pico do Fellhorn até o lago Schlappoldsee tem cerca de 6 km e nós percorremos esse trajeto em menos de 3 horas. A trilha tem dificuldade média em certos trechos e cabos de aço dão suporte a quem caminha. A vista para o vale e montanhas ao redor são de cair o queixo. Eu pedi tanto por um dia nublado pra essa trilha (sim, eu sou a louca do combo montanhas + moody weather), mas o que tivemos foi um dia de sol e céu totalmente livre de nuvens. Esse dia foi bem cansativo por causa do calor. Saímos de manhã cedo e o tempo ainda estava muito frio e com o passar das horas o tempo foi esquentando e tivemos que ir tirando todas as camadas de roupas que tínhamos e ir socando na mochila que já não tinha mais espaço. Apesar do céu sem nunvens, o dia foi lindo e a trilha deixou gosto de quero mais. Aliás, voltaremos algum dia, sem dúvida! Essa montanha é famosa por suas flores alpinas durante o verão (Alpenrosen) e esse espetáculo (imaginem um mar de flores vermelhas espalhadas por essas montanhas!) eu preciso ver de perto.

Meus garotos lá em cima!

Uma das coisas que mais amo na vida é ver o dia amanhecer nas montanhas. Quem já esteve numa região montanhosa deve ter uma ideia do que estou falando. É um verdadeiro privilégio ver o sol surgindo entre os picos das montanhas, a grama ainda molhada pelo orvalho, a neblina que vai se dissipando aos poucos e cedendo vista para a paisagem que eu mais adoro contemplar. É simplesmente fantástico caminhar por esses vales!

Neste dia fomos conhecer o pequeno porém fantástico lago Christlessee (foto de abertura do post). Ele é tão pequeno que no mapa parece mais um poço de água. Kilian não queria perder tempo indo lá, mas eu já tinha visto algumas fotos dele no instagram enquanto fazia a programação da viagem e tive que insistir pra gente ir lá. Ele não se arrependeu, obviamente. O acesso até o lago é somente de ônibus local ou a pé. A trilha é fácil e tem uns 7 km (ida e volta) e o caminho é todo feito por um vale lindíssimo.

No último dia da nossa viagem nós saímos da região do Allgäu e fomos até o Tirol na Áustria. Nós adoramos visitar lagos alpinos e o Vilsalpsee já estava nos nossos planos há um tempo. De lá iniciamos uma trilha bem confortável de 7 quilômetros através do vale Tannheimer que nos levaria até uma cachoeira.

Fizemos piquenique à beira do lago, Thomas se divertiu muito jogando pedrinhas na água e nós fechamos com chave de ouro a nossa semana nas montanhas. As fotos que seguem são as mais lindas dessa viagem. Uma pena que não temos registros de nós três juntos. Nem selfie nós tiramos. Mas enfim, foi maravilhoso carregar o nosso Thomas nas costas todos esses dias e apesar de alguns protestos pra entrar no carregador, ele gostou sim de observar o mundo por esse ângulo.

Eu postei várias outras fotos nos stories do meu instagram @ana_schuller e deixei lá nos destaques. Quem tiver interesse clica lá pra ver!

E finalmente eu criei uma conta só para fotos que posto aqui no blog. Os posts passados e outros lugares que visitamos vão ficando aqui esquecidos e por isso resolvi criar um lugar para relembrar as nossas viagens. A conta tem o mesmo nome do blog. Acompanha lá: @thisgermanlife.

Desculpa o post longo e cheio de fotos, mas as oportunidades de vir aqui estão no momento bem limitadas. Então quando dá eu aproveito! Até a próxima ❤

5 comentários em “Explorando Oberstdorf

  1. Menina, eu tô apaixonada com cada pedacinho desse post e se tivesse mais 300 fotos eu continuaria rolando a página e parando em uma por uma… Não dá pra explicar a beleza dessas fotos!
    Acho incrível ver vocês curtindo tudo isso com o Thomas… E uma fofura as fotos dele também!
    Beijos!

  2. Aaahhhhh coisa linda !!!! Vc, Kilian, Tomas e esses lugares incríveis !! Meu Deus ! Que maravilha ! 👏🏼🧡🌤

  3. Não consigo superar essas fotos de sonhos, essas paisagens de cair o queixo, essa fofura toda do Thomas, essas fotos lindas suas e do Killian. Cada post seu é um abraço na alma de tão lindo, Ana.
    E eu não vejo a hora de poder me aventurar a fazer essas trilhas todas pelos alpes alemães e espero que numa proxima oportunidade a gente consiga ir juntas! ♥

  4. Ana, você faz meu dia com essas fotos maravilhosas, que parecem poesia. Que lugares maravilhosos, e que bebê mais risonho ❤ Essa neblina da manhã, essas nuvens, quanta sensibilidade você tem pra captar esse mundão. Um beijão!

Faça o meu dia!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s